sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Todas as noites

Eu quero mergulhar no perfume da tua pele e no macio dos teus cabelos

Todas as noites, as noites todas

Eu quero me olhar no espelho e ver você, porque tu habitas todo meu ser

Todas as noites, as noites todas

Eu quero me deitar sobre o teu corpo, fazer do teu peito o meu leito

Todas as noites, as noites todas

Eu quero o ciúme do vento que sopra no teu rosto de criança e assobia e arrepia teus pêlos

Todas as noites, as noites todas

Eu quero teu riso, teu canto, teu brilho, teu encanto, ser teu chão, teu piso

Todas as noites, as noites todas

Quero mergulhar em tuas águas profundas, dedilhar canções de prazer em gemido baixinho no pé do ouvido

Todas as noites, as noites todas

Quero ser tua, despida de mentiras, nua de verdade,  inteiramente tua

Todas as noites, as noites todas

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Amor invisível

Nossos corpos ficam invisíveis
Nossos copos é normal que esvaziam
Bebemos barris de mágoas
De cada vez em que nos escondemos
De cada sorriso que disfarçamos
De cada carinho que reprimimos

O meu amor tem nome
Também tem sobrenome
Profissão e família
Ela é mais que os símbolos
Que a gravam na minha agenda
Ela é meu contato favorito

Ainda bem que o meu amor
É também minha amiga
Senão, quantas vezes teria mentido?
Dizendo "essa é minha amiga"
Para quem não suportam
O amor de duas mulheres.

É meu direito ser quem eu quiser
É meu direito amar quem eu quiser
É meu direito ser livre e feliz
É seu dever nos respeitar
É seu dever nos aceitar
É seu dever não nos invisibilizar.

Quero

Tu me invades feito cardume
Aquieta em meu peito teu acesume
Liberta da garganta o teu grito
Afasta de mim todo mau espírito

Acontece que em ti sou mais eu
Mergulho no rio dos teus olhos breu
Abraço tua alma sempre lavada
Com meu coração lavandado

Quero existir na tua vida
Quero sarar tua pior ferida
Nunca mais ser adeus ou partida

Quero que sejas minha noiva
Minha leal e linda esposa
Toda tua imensa alegria me repousa

Critério

Minha namorada
É invisível
Meu pai não a vê,
Tampouco a cumprimenta
Minha irmã não sorri
Quando ela chega
Meu irmão, então,
Levanta-se da mesa

Minha mãe a enxerga
Através da capa.
Já não tem mais memória
Mas tem amor dentro de si
E sente o amor que ela,
A minha namorada,
Tem por mim.

Breve será o casório
E taí um bom critério
Chamaremos só os bons
De vista,
Que enxergam a alma
Que abraçam com calma.

E não nos deixam ser invisíveis,
Indizíveis
Impossíveis.

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Nós

Passeio pelos teus olhos
Negros como aquele rio
Repouso em ti meus dedos
Sinto do vento o arrepio

No escuro do teu rio
Molho minha calma
Seco minha alma
O meu calor esfrio

E no colo do teu riso
Deito feito um laço
Balanço feito guizo
Me refaço num abraço

Em ti sou mais eu
Em mim sou mais tua
Sob teus olhos breu
Estou sempre nua

Teus passos me seguem
Tua boca me molha
Entreolhares me fervem
Teu toque me devora

A pressa da tua saudade
Afasta meu medo de maldade
Aproxima teu amor do meu peito
Me entrego a ti, lar perfeito

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Versinho

Essa é a história da republicana
Que que apaixonou pela princesa
Seu reino que era de medo
Foi invadido de certeza
Descobriu que podia presidir a vida só
Mas dividir com a realeza é muito melhor

quarta-feira, 26 de abril de 2017

RIP CLT

Sonhei que tínhamos uma CLT
Não era perfeita, mas dava pro gasto
Trabalhador tinha proteções, garantias
Era até bem lindo de se ver

Sonhei que entrava, saía governo
Todo mundo pela CLT zelava
Um ou outro até era mais ousado
E, no que podia, incrementava

Sonhei que ousaram jogá-la no lixo
Mas o povo se coordenou pra greve
E o parlamento em um ataque breve
De cara limpa matou a CLT, bicho

Acordei do sonho assustada
E senti escorrer o sangue
Da severa apunhalada
Não era sonho nenhum

Eu estava o tempo todo acordada
Ou talvez anestesiada.
Com certeza estarrecida
E muito muito entristecida.

Esse cheiro fúnebre
Vem daquela pira parlamentar
Incineraram nossos direitos
Reduziram a pó nossa dignidade

domingo, 23 de abril de 2017

Queria você aqui

Queria você aqui pra eu te encher de beijos, pra te abrir meu maior sorriso, pra te vestir com as minhas mãos, passear pelos teus cabelos com todo meu carinho, queria você aqui pra me deitar no teu colo e encher meus pulmões do cheiro profundo de amor que levas no cangote, queria você aqui e sentir nossas almas sempre despidas de tudo a cada toque, beijo, olhar. Queria você aqui pra me debruçar sobre a janela do teu coração e ver a mais linda paisagem que meus olhos graúdos já viram. Queria você aqui pra te ver despertar sem abrir os olhos mas abrir o sorriso quando ouvir a chuva que cai lá fora. Queria você aqui pra me derreter quando tuas mãos me caçam antes de dormir, no meio da madrugada e logo que acorda. Queria você aqui pra matar na unha e sem pressa a saudade imensa de tudo o que ainda vamos viver.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Quero banho

Banho de chuva
Banho de cacimba
Banho de cachoeira
Banho de toda maneira

Banho de chuveiro
Banho no banheiro
Banho de banheira
Banho de toda maneira

Banho de amor
Banho de sorte
Banho no calor
Banho bem forte

Banho de beijo
Banho de carinho
Banho de gato
Banho de língua

Banho com ela
Banho nela
Banho dela
Banho pra ela

Banho quente
Banho gelado
Banho longo
Banho rápido

Banho com sais
Banho com velas
Banho com cheiros
Banho com incensos

Banho de rio
Banho de mar
Banho de igarapé
Banho de lago

Recomeço

Ganhei um recomeço
De presente de mim
Para mim mesma

Não tem preço
O poder de começar
Tudo de novo

Renovar o apreço
De quem já estava
Conquistar o de quem chega

Se não me engano te conheço
Te enganas sim
Sou outra ilha, mar imenso

Um começo novo
Valores sempre cultivados
Sim, mereço
Esse e qualquer recomeço